Topo
Roblog

Roblog

Categorias

Histórico

Será que um dia os robôs vão substituir os juízes na ginástica?

UOL Tecnologia

12/10/2019 04h00

Ginastas têm corpo digitalizado por nova tecnologia usada no Mundial de Ginástica Artística

O uso da tecnologia no esporte ainda é algo recente. No futebol, ainda se discute o uso do VAR, o árbitro assistente de vídeo, e de técnicas simples como o uso de chips dentro da bola para determinar se, em determinado lance, foi gol ou não. No entanto, a substituição do juiz por um árbitro-robô ainda é algo absolutamente impensável.

No entanto, essa hipótese já é ventilada em outros esportes. Na ginástica artística, por exemplo, já se discute o uso de inteligência artificial como árbitro. No Campeonato Mundial, que está sendo realizado nesta semana em Stuttgart, na Alemanha, 30 juízes-robôs estão sendo utilizados, segundo reportagem do New York Times.

Os robôs são, na verdade, pequenas caixas cinzas colocadas ao redor do local da disputa. No total, são 30 equipamentos do tamanho e formato de um roteador Wi-Fi equipados com sensores tridimensionais a laser que rastreiam os movimentos dos atletas.

Todos os dados coletados são compilados em um sistema de inteligência artificial que, por enquanto, auxilia os árbitros. Esse sistema, projetado pela empresa japonesa Fujitsu, mede e analisa dados como posição do esqueleto, velocidade e ângulo dos ginastas. São dados que, muitas vezes, acabam ignorados pelos juízes.

Por enquanto, o auxílio desse juiz-robô ainda é tímido. No Mundial, o sistema ajuda aos árbitros humanos em caso de questionamento da nota por parte do ginasta ou quando as notas dadas pelos juízes são muito diferentes. Além disso, a tecnologia está disponível apenas para o cavalo com alças, as argolas (alô, Arthur Zanetti) e o salto sobre a mesa.

A federação internacional afirmou que o sistema já alterou alguns resultados no Mundial, mas não especificou quais.

Diante da nova tecnologia, os ginastas se perguntam se chegará o dia em que os juízes humanos serão totalmente substituídos pelos robôs. Bem, pode até ser, mas isso ainda está longe da realidade.

Segundo técnicos e ginastas, um sistema de inteligência artificial nunca será capaz de analisar todas as nuances da ginástica. Existe um aspecto artístico que ainda depende muito do olhar humano.

Sobre o Blog

O Roblog é a casa dos robôs mais fofos, descolados e curiosos desse mundão doido. É produzido pela equipe do UOL Tecnologia.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Roblog